sábado, 11 de dezembro de 2010

A Dish Served Cold

Sempre quando alguém nos faz mal, de imediato ficamos perplexos. Ficamos sem reação, parece que todo o corpo trava. Ao cairmos na realidade, vem à tona o sentimento de raiva e parece que queremos fazer com a pessoa o dobro do que ela fez conosco, é o sentimento de vingança.

A vingança, a princípio, parece ser algo muito bom, pois a pessoa devolve tudo o que sofreu. Só que uma pessoa com raiva acaba dando um soco de olhos fechados. Vou tentar me explicar melhor com uma situação hipotética dita por meu pai :  Um rapaz chegou em casa raivoso, pois fora ridicularizado por algozes na escola. Revoltado, gritava que queria vingar-se a qualquer custo. Seu pai, vendo aquela situação, trouxe ao filho uma camiseta branca e um saco de carvões.

O pai pendurou a camiseta branca em um varal e disse para o filho imaginar que aquela camiseta fosse o seu algoz. Depois, o pai disse para o filho imaginar que os carvões eram as coisas que ele desejava fazer contra o algoz. Então, disse para o filho arremessar contra a camiseta , que seria o algoz,  quantos carvões desejasse. O rapaz começou a jogar os carvões descontroladamente. Passado um tempo, já não restava um único carvão no saco.

O pai do rapaz apareceu e disse: "Então, meu filho, você fez mal a seu algoz?". O rapaz mostrou a camiseta toda suja e rasgada e acenou positivamente com a cabeça. O pai, então, conduziu o filho até um espelho e disse: "Agora olhe para você mesmo". O rapaz olhou-se no espelho e se viu todo sujo, sua camiseta estava em pior estado do que a que ele arremessara os carvões. Conclusão, a vingança fez mal tanto ao "algoz" quanto ao próprio vingador.

A raiva é o que leva a vingança e isso não é bom, pois pessoas que agem com raiva não pensam nas consequências de seus atos. Depois da vingança sempre vem o arrependimento, só que a pedra já foi atirada e não tem como fazê-la voltar à sua mão. E essa pedra atirada, na maioria das vezes, faz mais mal para o atirador do que para quem a recebeu de fato. Um exemplo disso foi um caso nos EUA de seis garotas que espancaram uma outra por acharem que ela as difamava na internet. As agressoras acabaram todas presas e irão permanecer na cadeia por muitos anos, tudo isso por uma vingança besta. A pedra atirada prejudicou mais a quem?

5 comentários:

  1. Muitas vezes, quando alguém nos faz mal, pensamos em fazer com a pessoa as piores coisas possíveis, só para ela sentir o gostinho do próprio veneno. Só que, depois vemos que os maiores prejudicados somos nós mesmos. Por isso, a melhor maneira de nos vingar-mos é através da gentileza, é sendo mil vezes melhor que o outro. É muito melhor do que tentar virar a bruxaria contra o bruxo.

    ResponderExcluir
  2. É isso aí carinha, mostrar maturidade é a melhor maneira de derrubar alguém.

    ResponderExcluir
  3. Mais um excelente texto, pedro! Infelizmente já tive um pouco disso na minha personalidade, quando menor, e as consequencias são as piores possiveis, com certeza. No fim, a gente acaba ficando pior do que estava por ter agido dessa forma, ter tentado se vingar. Felizmente hoje em dia penso melhor antes de tomar alguma atitude :)

    ResponderExcluir
  4. Fala John.

    Pois é cara, eu também admito que já senti isso e , muitas vezes, me vinguei também. Só que depois da vingança parece que me senti pior do que estava, pois acabei fazendo algo muito mais grave do que a pessoa me havia feito.E claro, a pedra atirada não voltou às minhas mãos.

    Obrigado mais uma vez.

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pelo blog Pedro! ótimos textos! *-*
    Maria

    ResponderExcluir